sexta-feira, 1 de fevereiro de 2008

O Mestre do Jogo

"Parece gostar de jogos mentais" comentou com os olhos colados na parede cheia de posteres "Sabe que conheço uma pessoa assim como você?" a garota saltou para trás sentando-se na cama fofa, suas botas pretas caíram para o lado e a jaqueta grossa foi retirada
"O que quer dizer quando fala 'como eu' ?" o rapaz seguiu logo atrás fazendo os mesmos movimentos, mas em câmera lenta, com a mente longe.
"Pessoas que gostam de ver a mente das pessoas sendo torturadas" Ela usou um tom cuidadoso, mas procurou ser direta "Que divertem-se com tramas que aprisionam a sanidade das pessoas e que as tornam homens-bombas...Figurativamente falando, é claro"
"Se é isso que acha de mim porque veio até aqui?" Os braços dele se apoiaram na cama e seus olhos abriram-se numa tentativa ganha de intimidar a garota, a camiseta de um dos filmes de Tim Burton foi atirada ao chão e suas mãos começaram a fazer o mesmo trabalho na camiseta dela.
"Porque o jogo que você joga...Eu já virei mestra" A camiseta voou para o criado mudo, a saia escorregou pelas pernas e as meias perdidas no monte de livros.
Logo ficaria escuro e os artifícios seriam inúteis. Mas achava que podia comprar algumas horas para se manter viva.

Um comentário:

  1. tõ ficando viciada nesses seus textos ><"

    post mais please !! ;D

    e o meu blog tá ficando popular ? kkk ! só no começo, depois as pessoas esquecem da existência dele, eu espero que não, mas acaba sendo inevitável...

    ;D

    ResponderExcluir

speak your mind